Ontem foi 29 de Tamuz, 5777

‏Yahrtzeit do Rabi Shlomo Yitzhaki (1040-1105), comentarista rabínico preeminente conhecido pelo acrônimo Rashi. Seu comentário sobre os Cinco Livros de Moisés é estudado pelos todas as crianças e adultos judeus, leigos e estudiosos. E seu comentário monumental sobre o Talmud, que aparece em cada edição padrão, é a base sobre a qual todo o estudo Talmud se baseia.
‏Rashi morava na França, onde seus netos compunham o comentário Tosfot sobre o Talmud, que é indispensável para uma compreensão adequada do texto. Surpreendentemente, Rashi realizou todo seu trabalho durante o período das Cruzadas, quando a vida era extremamente perigosa para os judeus. Rashi sustentou sua família como um comerciante de vinho e escreveu comentários rabínicos em seu tempo livre. Aliás, os comentários de Rashi são a principal fonte de informação para o estudo da língua e da cultura francesas na Idade Média. O recente 900º aniversário de sua morte foi amplamente comemorado na França, com cerimônias públicas, conferências e um selo postal emitido em sua homenagem.

About The Author

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published.